Garis retiram 435 toneladas de lixo em 24h em Vitória
Garis retiram 435 toneladas de lixo em 24h em Vitória do Espírito Santo
16 de fevereiro de 2017
Comlurb recolhe 462 toneladas de lixo nas ruas do Rio durante o carnaval
Comlurb recolhe 462 toneladas de lixo nas ruas do Rio durante o carnaval
1 de março de 2017

Assim que os carnês do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) começaram a chegar nos imóveis de Sorocaba (SP), uma mudança significativa deixou os moradores preocupados. O valor da taxa de remoção de lixo teve aumento superior a 150% em algumas áreas da cidade.

O representante comercial Dátero Danieletto, por exemplo, que antes desembolsava R$ 308 pelo serviço, vai ter que pagar R$ 791, de acordo com a nova tabela de cobrança da prefeitura. Em contrapartida, a taxa de um terreno do munícipe, em outro loteamento residencial, passou de R$ 38,33 para R$ 41,26, cerca de 7% a mais. “Já havia pago e os moradores estão se reunindo, aí que eu fui ver que realmente é um absurdo”, afirma.

Em algumas regiões, a mudança na taxa de recolhimento de lixo influenciou no valor do imposto. A taxa de remoção do lixo por metro quadrado na zona residencial 1 é de R$ 2,57, nas outras zonas é de R$ 1,07.

Os 1.400 moradores de um condomínio em Sorocaba sentiram a diferença. O aposentado Luiz Videira tem terreno em um condomínio e o valor chamou a atenção. “Esperava um aumento de 7% que a prefeitura anunciou; eu recebi com aumento de 37%, quer dizer, é muita coisa. Tenho um imóvel ao lado de onde moro e o aumento da mesma taxa de lixo foi em torno de 100%, 110%”, constata.

O aposentado comenta que o aumento nunca foi tão grande. Ele, inclusive, fez uma reclamação na prefeitura. A resposta foi que houve uma atualização no zoneamento, por isso, a mudança na taxa e não é possível recorrer. “A coisa é do jeito que eles querem, e não como nós podemos pagar”, diz.

Moradores de condomínio também reclamam de aumento (Foto: Reprodução/TV TEM)

Moradores de condomínio também reclamam de aumento (Foto: Reprodução/TV TEM)

O diretor da associação de moradores de um condomínio, Jorge Reis Cunha Neto, explica que os munícipes não concordam com o aumento na cobrança. “Somos uma associação de moradores de loteamento fechado e nós temos coleta seletiva duas vezes por semana, reduzindo a quantidade de lixo para ser colocado na coleta normal. Então, nós deveríamos ter uma redução de preço da coleta de lixo, e não um acréscimo”, acrescenta.

O aumento também foi percebido em outros bairros, como o Jardim Bandeirantes. O morador e comerciante, Edmar de Campos Carvalho, relembra que em 2015 pagou R$ 255,25. Já em 2016, o valor foi de R$ 280,50. Mas, este ano, a cobrança saltou para R$ 720,88; quase 157% de aumento. Por esta razão, buscou resposta da prefeitura.

“A ordem deles era de não receber nenhuma reclamação sobre a taxa de imposto de lixo, disseram que houve um mapeamento na cidade e em alguns locais foram repassados valores a mais do que seria no ano passado e que caberia a mim simplesmente pagar, não tem recurso algum”, completa Edgar.

O Secretário da Fazenda, Fabio Martins, informou que dos 275 mil carnês de IPTU distribuídos este ano, 4.412 tiveram a mudança na tarifa do lixo. Ele ainda confirmou que o motivo foi mesmo uma atualização no zoneamento da cidade previsto no plano diretor.

“Não são aumentos de taxa de coleta de lixo, na realidade são correções de divergências que estavam havendo no cadastro da prefeitura, de zonas residenciais e demais zonas onde o valor cobrado é mais baixo, para zonas residenciais 1, que são condomínios e bairros mais valorizados, tudo que estava com divergência no lançamento da taxa de lixo”, esclarece o secretário.

O Secretário informou ainda que vai apurar os problemas. “O atendimento ao público, até porque é o público que nos paga, ele tem o direito de ter realmente a informação de uma forma corretíssima. Se por ventura houver esse tipo de reclamação… que, por favor, nos procure, faça essas reclamações e nos ajude inclusive a melhorar esse atendimento”, finaliza.

Moradores de Sorocaba ficaram indignados com aumento no IPTU (Foto: Reprodução/TV TEM)

Moradores de Sorocaba ficaram indignados com aumento no IPTU (Foto: Reprodução/TV TEM)

Site desenvolvido por:

Logo da Arte de Designer - Agência WEB - www.artededesigner.com
Abrir whatsapp
Posso lhe ajudar?